A plástica dos olhos é dolorosa?

A cirurgia plástica ocular é uma subespecialidade da oftalmologia que auxilia os pacientes a melhorarem tanto aspectos estéticos, quanto aspectos funcionais da região ocular. Isso inclui a amenização de rugas de expressão, excesso de pele, bolsões de gordura, pálpebras caídas, dentre outros problemas que acometem a área.

As cirurgias plásticas realizadas na região dos olhos, são feitas com o paciente sedado e por isso não doem. A maioria dos procedimentos exige uma sedação leve, mas eficiente.

Durante o pós-operatório, grande parte dos pacientes sentem alguma tensão ou sensação de areia nos olhos, mas são raros os casos em que os pacientes relatam sentir dores, sendo uma recuperação muito tranquila.

Ainda tem dúvidas sobre a cirurgia plástica nos olhos? Entre em contato conosco.

Por que temos olheiras

Plástica dos Olhos - Blog - Por que temos olheiras

A primeira coisa que uma pessoa procura olhar quando conversa com você, são seus olhos. Afinal, eles são o centro da atenção. São os responsáveis por transmitir confiança ou até mesmo, para conquistar.

Mas a “beleza” dos olhos está intrinsecamente ligada a região que ele está. Isso inclui as sobrancelhas, a lateral do rosto e por fim, os bolsões palpebrais – as famosas olheiras. Por isso é importante ter toda essa região jovem e bem cuidada.

Mas uma pergunta que acomete muitos pacientes é sobre as olheiras, pois da região dos olhos, é a parte que mais gera “incômodo”, tanto por parte de mulheres como de homens.

Sobre as olheiras:

A pálpebra normal de uma pessoa jovem está cheia, lisa e não tem nenhum círculo escuro debaixo dela. Com o envelhecimento da face, a gordura da bochecha e a pálpebra inferior se separam. Isso ocorre porque a bochecha cai com o envelhecimento, o que torna a pálpebra inferior mais frouxa e permite que a gordura da pálpebra venha para a frente. Isso cria um espaço vazio entre a gordura das pálpebras inferiores e a gordura da bochecha.

Como normalmente estamos expostos luz, os bolsões criam uma “sombra” nas pálpebras inferiores, que pioram o aspecto das olheiras. Existe uma técnica muito interessante para se corrigir este problema: a transferência de gordura. Consiste em “transferir” os bolsões de gordura para áreas de depressão nas pálpebras, assim elas se tornam mais lisas sem depressões e abaulamentos, o que acaba com o efeito de “sombra” que agravam as olheiras.