Heterocromia ocular

A heterocromia ocular é uma anomalia na qual o indivíduo manifesta duas cores diferentes nos olhos, podem ser na mesma íris ou em olhos diferentes. Existem três tipos da anomalia: a completa, onde cada olho é de uma cor. A setorial, quando há duas cores diferentes na mesma íris, sendo que uma predomina e a central, quando dois ou mais círculos de cores distintas encontram-se na mesma íris.

O evento é na maioria das vezes genético, mas pode ser causado pela síndrome de Waasdenburg. A doença é mais comuns em animais, especialmente cães e gatos. Nos humanos é mais rara, afetando somente 6 em cada 1.000 pessoas.

A condição é efeito de falta ou excesso de melanina. Não existe nenhum tratamento para essa anomalia, mas se causar incômodo, lentes de contatos podem ser usadas para equiparar as duas cores.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar da discussão?
Fique a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *